Nestes últimos três domingos, fizemos uma exposição de Lucas 24.13-36, narrativa conhecida pelos dois discípulos de Jesus que foram para Emaús depois da frustração da morte de Jesus.

Tentamos descobrir neste textos alguns sinais que nos ensinam ou definem o que é uma igreja viva.

Definimos a igreja como Uma comunidade de discípulos que caminha com Jesus (ainda que apenas 2),  Os sinais que acompanham esta comunidade que encontramos no texto citado são:

1) São DISCÍPULOS. Só é membro da Igreja Verdadeira de Jesus, aqueles que querem ser semelhantes a seu mestre.

2) DOIS são suficientes. Número não é o mais importante. O que faz diferença é a companhia de Jesus prometida aos que resolvem caminhar juntos.

3) Comunidade do CAMINHO. Essa foi a primeira forma como a igreja foi conhecida. Um povo que se define como peregrinos a caminho da terra prometida.

4) ABRE o coração. Os discípulos de Jesus estão sempre sensíveis à orientação e à vontade do Senhor.

5) ACOLHE O ESTRANHO. John Stott disse que a igreja é a comunidade que existe para os de fora, e não para os de dentro.

6) Lida com Natural & Sobrenatural. Se lidamos com aquilo que é ordinário e comum, também lidamos com o extraordinário e com os milagres de um Deus poderoso.

7) Comunidade que OUVE. Por causa da graça de Jesus, a igreja é desafiada a ouvir mais do que falar como sinal da graça do Senhor Jesus.

8) Comunidade de AMIGOS. O Reino de Deus é feito de amigos. Jesus mesmo nos chamou de seus amigos.

9) Comunidade da PALAVRA. Somos o povo que tem na Bíblia sua identidade e sua fonte de autoridade.

10) Comunidade da Eucaristia. Somos o povo que parte o pão sempre em memória do Cristo e do preço que ele pagou para nos resgatar da condenação do pecado. No partir do pão, os olhos dos discípulos são abertos.

11) Comunidade de discípulos que tomam atitude. Não somos o povo de “braços cruzados”. Somos os povo que toma a iniciativa para avisar que Jesus está vivo. Ele ressuscitou!

12) Lugar do EMANUEL. Nada nos identifica mais do que isto. O Senhor Jesus se coloca em nosso meio para nos abençoar. É o Deus que ANDA COM A GENTE.

Nossa oração é que sejamos encontrados fiéis e que vivamos coerentes com aquilo que nos identifica. Acima de tudo, que as palavras de Jesus ditas aos seus discípulos, as sejam para nós também. PAZ SEJA COM VOCÊS!

Rev. Jônatas